Filme de apenas R$ 80 mil pode surpreender no Festival de Gramado

GRAMADO ¿ Com um modestíssimo orçamento de R$ 80 mil reais, o longa-metragem ¿Vingança¿, produção brasileira de Paulo Pons, pode ser uma das boas surpresas do 36º Festival de Cinema de Gramado. Ele será exibido hoje, junto com a produção argentina ¿Por Sus Propios Ojos¿, de Liliana Paolinelli, dentro da mostra competitiva.

Fabio Prikladnicki |

Vingança é o primeiro projeto da produtora Pax Filmes, que prevê a produção de longas com baixíssimo orçamento. Fazemos isso para viabilizar a realização dos filmes. Estamos apresentando um modelo de produção que nós desenvolvemos baseados em outras experiências, disse Pons, que também é sócio da produtora.

Ele garantiu que não tinha expectativa de concorrer, com este que é seu primeiro longa, em um festival do porte de Gramado. Estávamos preparados para dar certo apenas no quarto filme, comentou, arrancando protestos bem-humorados do resto da produção e do elenco. Bem-falante, logo se corrigiu: Acreditávamos desde o primeiro corte que seria um bom filme.

O filme entrelaça as histórias dos personagens a partir da cena em que uma jovem é violentada em uma cidade do interior gaúcho (a referência é o município de Pedro Osório, onde o diretor foi criado). Depois, a trama se desloca para o Rio de Janeiro. A equipe do filme, no entanto, evitou dar mais detalhes do enredo para não estragar uma suposta surpresa no desfecho.

Leia mais sobre o Festival de Gramado .

    Leia tudo sobre: festival de gramado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG