Cerca de 200 filhos de integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) fizeram uma mobilização hoje, em Ribeirão Preto. O ato marca a comemoração do Dia das Crianças.

"Esse dia não é só de presente, mas para as crianças lutarem pelos seus interesses", disse o coordenador do setor de educação regional do MST, José Ferreira, o Paraguai.

Pela manhã, cerca de 200 crianças fizeram brincadeiras e escreveram as cartas, no Assentamento Mário Lago, em Ribeirão Preto. À tarde, cerca de 60 se dividiram e foram levar os textos aos órgãos públicos: prefeitura, Ministério Público, Defensoria Pública e CPFL.

Outras crianças, dos assentamentos Alexandra Kolantai (Ribeirão) e Sepé Tiaraju (Serra Azul) também participaram das atividades. Os pedidos das crianças são de construções de escolas em assentamentos, transporte escolar, postos de saúde, entre outros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.