indulgente com lei - Brasil - iG" /

FHC critica MST e diz que governo é indulgente com lei

O ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso (FHC) disse hoje que o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) tem cometido abusos nas mais recentes invasões de terras e que o governo tem sido indulgente no cumprimento da lei. O ex-presidente citou que o governo não está cumprindo a medida provisória (MP) que estabelece que terras ocupadas não podem ser desapropriadas.

Agência Estado |

"Isso não está sendo posto em prática. O que é uma indulgência do governo com a transgressão da lei. Esse é um problema grave", afirmou em evento do IV Encontro Internacional Nova Agenda da Democracia para a América Latina, realizado na capital paulista.

"O principal problema no caso é que houve uma divisão no governo. O ministro da Justiça (Tarso Genro) justificou que era uma coisa natural que houvesse invasões, que era um amadurecimento do movimento, e o presidente Lula disse que era inaceitável", afirmou. "Esse é o problema. Não se sabe qual é a posição do governo a respeito. O País inteiro sabe que está havendo um abuso enorme. Nesse caso, especificamente, houve mortes. Não foi só uma ocupação de terra, mas uma ocupação violenta", criticou, referindo-se à invasão da fazenda Consulta, em São Joaquim do Monte (PE), no último dia 21 de fevereiro, que resultou no assassinato de quatro seguranças da propriedade. O MST alegou legítima defesa nas mortes.

FHC disse não ser contra à existência de movimentos sociais como o MST, mas frisou que eles também têm de se submeter ao cumprimento da lei. "É incompreensível que o governo não se manifeste a favor da lei", cobrou.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG