Maioria teve ferimento leve, segundo informações da prefeitura de Cruz das Almas

Ao menos 40 pessoas ficaram feridas no domingo, durante a Guerra de Espadas, uma tradicional comemoração da festa junina de Cruz das Almas, na Bahia.

De acordo com informações preliminares da prefeitura, no evento, os participantes usam artefatos feitos com bambu e pólvora. A maioria dos feridos sofreu lesões leves. Um decreto municipal permite a queima das espadas a partir das 18 horas de 23 de junho, em apenas algumas ruas e praças.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.