Ferroviários do Rio de Janeiro decidem pelo fim da greve

RIO DE JANEIRO ¿ O vice-presidente do Sindicato dos Ferroviários, Pedro Ricardo, disse, na tarde desta quinta-feira, que os ferroviários do Rio de Janeiro decidiram pelo fim da greve após mais de três dias de paralisações. No início desta tarde, os funcionários se reuniram com a concessionária SuperVia e fizeram um acordo, com a mediação do Tribunal Regional do Trabalho (TRT).

Redação |

Outra reunião de conciliação foi feita antes do início do expediente desta quinta-feira e havia ficado decidido que a greve iria continuar.  Os grevistas pediam a reintegração de 11 maquinistas demitidos, mas o TRT recomendou que apenas sete fossem readmitidos. Na decisão final, ficou decidido que sete deles retornam ao trabalho. Uma nota com mais detalhes do acordo deve ser divulgada ainda nesta quinta-feira.

Pedro Ricardo afirmou que os funcionários estão voltando para o trabalho neste momento.

A SuperVia informa que os funcionários estão voltando ao trabalho gradativamente e, na sexta-feira, os trens funcionam normalmente.

Nos quase quatro dias de paralisação, iniciada na segunda-feira desta semana, foi ampliado o tempo de espera entre os trens para reduzir os prejuízos aos passageiros. Os ferroviários alegam que a paralisação foi decidida para reivindicar melhores condições de segurança para o trabalho nos trens.

(Com informações da Agência Estado)

Leia também:

Leia mais sobre: greve dos ferroviários

    Leia tudo sobre: ferroviáriosgreve

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG