Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Fazendeiro é multado em R$ 7,3 mi por desmatamento no PA

Um fazendeiro foi multado em R$ 7,3 milhões pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) acusado de ter desmatado 1.460 hectares de floresta em Pacajá, no oeste do Pará.

Agência Estado |

A área foi embargada e o responsável também deverá responder criminalmente pela infração.

A ação faz parte da Operação Guardiões da Amazônia, que está na região desde o dia 28 de outubro, período em que já lavrou 20 Autos de Infração, 17 Termos de Apreensão e Depósito, e 7 Termos de Embargo.

Além disso, um total de 2,9 mil hectares de área foi embargada pelo instituto. Neste período, segundo o Ibama, foram apreendidos cerca de 400 metros cúbicos de madeira em tora e serrada, cinco metros cúbicos de lenha, um trator, três caminhões, três motosserras e duas motocicletas.

Também foram destruídos 80 fornos de carvão que funcionavam ilegalmente na região, sendo 67 deles em uma fazenda de Goianésia, cujo responsável foi multado em R$ 67 mil, além de outra multa de R$ 1,3 milhão pelo desmate de 271 hectares de floresta sem autorização do órgão competente.

A base operativa da Guardiões da Amazônia, em Maracajá, contabiliza, até agora, mais de R$ 11 milhões em multas e permanecerá na região por tempo indeterminado.

Leia mais sobre desmatamento

Leia tudo sobre: desmatamento

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG