Fãs já estão acampados no Maracanã para o show de Madonna

RIO DE JANEIRO ¿ Mais de 100 fãs da cantora Madonna já estão acampados na porta do Maracanã para assistir ao show que a rainha do pop fará no estádio neste domingo e na segunda-feira. Depois de ficar 15 anos sem vir ao Brasil, a artista retorna ao País com a turnê ¿Sticky & Sweet¿. Além do Rio, Madonna fará shows em São Paulo, nos dias 18, 20 e 21 de dezembro, no estádio do Morumbi.

Anderson Dezan, do Último Segundo |

No Maracanã, os fãs acampados montaram duas filas: uma para o espetáculo de domingo e outra para o de segunda-feira. Um grupo está localizado à direita da porta do estádio o outro à esquerda, para que não haja confusão, garantem os fãs.

A fila para o show de amanhã já conta com sete barracas montadas. A primeira delas está representando um grupo de 17 pessoas da zona oeste do Rio. De acordo com o servidor público Luiz Antonio de Almeida, de 46 anos, o grupo no qual faz parte montou acampamento no último domingo (7).

Vale a pena o esforço para ficar na fila do gargarejo. O show é uma vez só então vale o esforço, diz. A Madonna é uma super artista, então a gente merece assistir a um mega espetáculo como o dela. Esse sacrifício passa rápido.

Segundo o servidor público, nenhum dos integrantes do seu grupo largou emprego ou faculdade para ficar na fila. Luiz Antonio conta que ele e os amigos se revezam em turnos de seis horas para que ninguém seja prejudicado.

Tem que gente q trabalha, sai do trabalho e vem pra cá. Eu estou conseguindo conciliar o meu horário do trabalho com a minha escala na fila.

Do outro lado da fila, para o espetáculo do dia 15, o primeiro grupo conta com sete pessoas de diversos locais do País. Os fãs montaram acampamento na sexta-feira passada (5), ou seja, antes dos primeiro da outra fila. Para o estudante Sérgio Ramthum, de 32 anos, que veio de Florianópolis, todo o esforço vale a pena.

Estamos esperando há muito tempo por esse show. Nosso objetivo é chegar na grade para olhar tudo de pertinho. A empolgação está enorme, conta

De acordo o auxiliar administrativo Alexandre Monteiro, de 29 anos, que também veio de Florianópolis, o grupo usa a casa de um dos fãs que mora próximo ao Maracanã para tomar banho, trocar de roupa e, eventualmente, descansar. Segundo ele, o sacrifício é necessário por que a disputa por um bom lugar durante o espetáculo será acirrada.

A concorrência vai ser muito grande então chegamos mais cedo para sermos os primeiros. O nosso objetivo é tocar nela, revela.

O grupo conta que muitos não entendem o fanatismo deles pela Madonna. A figurinista Sheila Zeferdelo, de 23 anos, explica que o que leva eles estarem ali, mesmo embaixo de chuva, não é somente a idolatria à rainha do pop.

Essa é uma oportunidade de ver a maior diva do mundo. Até quem não é fã tem como negar isso. Então acho que vale a pena ficar 10, 20, 30 dias para vê-la, resume.

Informações

De acordo com a organização do espetáculo, não será permitida a entrada no Maracanã com guarda-chuvas e objetos pontiagudos ou de metal. Garrafas de vidro e plástico, latas, comida e frutas inteiras também não serão permitidas. Haverá lanchonetes e pontos de venda de bebidas espalhadas por todo o estádio. Os portões serão abertos ao público às 17 horas.

A produção do show recomenda o uso do transporte coletivo para se chegar ao local, já que não haverá estacionamento oficial. O Metrô Rio terá esquema especial nos dias do espetáculo. O horário de funcionamento da estação Maracanã será estendido para garantir o retorno do público.

A estação estará aberta para embarque até 1h da manhã. As demais estações das linhas 1 e 2 funcionarão apenas para desembarque, depois da meia-noite. As linhas de extensão Metrô Na Superfície (Botafogo/Gávea e Siqueira Campos/Gávea) e Metrô Barra (Siqueira Campos/Terminal Alvorada) funcionarão até a chegada do último trem.

Foram montados no Maracanã dez postos médicos, cada um com dois médicos, dois enfermeiros e quatro auxiliares. Também estarão à disposição no estádio cinco ambulâncias UTI e quatro normais, cada uma com um médico, um enfermeiro e um socorrista. Segundo a organização do evento, 850 homens cuidarão da segurança particular no local do show, além de um contingente de 600 policiais.

Serviço

Ainda há ingressos para alguns setores do show. Nos dias do espetáculo, a bilheteria do Maracanãzinho, na rua Professor Eurico Rabelo, funcionará de meio-dia até o início da apresentação, marcada para as 20h. Confira os valores: R$ 180 (arquibancada), R$ 220 (cadeira lateral), R$ 250 (cadeira central e pista), R$ 300 (arquibancada central) e R$ 600 (pista VIP, ingressos já esgotados).

O show não é recomendado para menores de 14 anos (de 12 a 13 anos, só acompanhados dos pais ou responsáveis legais. 

    Leia tudo sobre: madonna

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG