This is It - Brasil - iG" /

Fãs de Michael Jackson no mundo todo se reúnem para This is It

SYDNEY ¿ Fãs de Michael Jackson em todo o mundo lotaram sessões do filme This Is It nesta quarta-feira para a despedida final do Rei do Pop, muitos vestidos como seu ídolo ou em figurinos dos vídeos musicais do astro.

Reuters |

Jackson, que na infância foi um dos integrantes do legendário grupo The Jackson 5, da gravadora Motown, e cujo álbum "Thriller", de 1982, ainda é o mais vendido de todos os tempos, morreu repentinamente em 25 de junho em Los Angeles, aos 50 anos, depois de sofrer uma parada cardíaca.

"This Is It" foi produzido a partir de 80 horas de imagens gravadas dos ensaios do cantor para os 50 concertos planejados para Londres em julho e descritos pela mídia como "a turnê de retorno" do cantor. Jackson deixara os palcos em 2005, depois de ser acusado de abuso sexual infantil, acusação da qual acabou absolvido.

Após uma pré-estreia repleta de celebridades em Los Angeles, na noite de terça-feira, e premières em outras 16 cidades, incluindo o Rio de Janeiro, o filme altamente divulgado entra em cartaz na quarta-feira em 99 países, número que chegará a 110 até o fim de semana.

"Precisamos celebrar a vida de Michael Jackson, celebrar seu legado, e é disso que trata este documentário", disse Teddy Riley, que produziu o álbum "Dangerous", de Jackson, falando a jornalistas no tapete vermelho da première do filme em Sydney na quarta-feira.

No centro de Taipé, um punhado de sósias de Jackson, membros de um fã-clube local chamado MJ's Army of Love, dançaram diante de centenas de fãs que fizeram fila para assistir ao documentário, previsto inicialmente para ficar apenas duas semanas em cartaz.

"É triste, porque suas performances, canções e danças são totalmente perfeitas. É uma pena que não possamos assistir a sua performance ao vivo, mas apenas em um cinema", disse o sósia Li Yen-Ting, vestido como seu ídolo.

Vários fãs em Pequim disseram que o filme é sua última chance de assistir ao astro em ação.

"Estou esperando há meses para ver este filme, nossa última esperança de ver a performance final de Michael", disse uma fã que deu seu nome como Sha, chorando incontrolavelmente.

Homenagem ou exploração

O estúdio Columbia Pictures, da Sony, teria pago à promotora de concertos AEG Live 60 milhões de dólares pelos direitos sobre o filme e informou que, desde que a venda antecipada de ingressos começou, no final do mês passado, a demanda vem sendo "fenomenal."

A Columbia disse que, se a demanda for grande, a temporada do filme será estendida para além das duas semanas inicialmente previstas. Além disso, ela pretende lançar "This Is It" em DVD no início de 2010.

Os primeiros indicativos são que o filme será um sucesso de bilheteria para a Sony. Um executivo de estúdio rival, que preferiu se manter anônimo, disse que o filme pode render mais de 660 milhões de dólares.

Mas alguns fãs de Jackson se recusavam a deixar-se envolver no hype cercando o filme, dizendo que "This Is It" esconde o "estado precário" de saúde de Jackson nos últimos dias de sua vida e explorando o cantor, que deixou três filhos.

"Nas semanas que antecederam a morte de Michael Jackson, enquanto essas imagens estavam sendo rodadas, pessoas que o cercavam sabiam que ele estava com aparência de alguém que poderia morrer", diz o site this-is-not-it.com.

"Aqueles que anteviam lucros optaram por ignorar os sinais. Algo que teria sido uma série limitada de concertos em Londres agora virou um evento global de cinema e merchandising, gerando lucros adicionais enormes para a AEG, a Sony e muitos outros."

As autoridades concluíram que o coração de Jackson parou devido a uma overdose de sedativos e do anestético forte propofol, que é usado em cirurgias. O filme não trata da morte de Jackson, que pode resultar em acusações criminais contra seus médicos.

    Leia tudo sobre: michael jackson

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG