O grupo farmacêutico Eurofarma anunciou hoje o licenciamento de duas patentes para o desenvolvimento de um remédio à base de resveratrol, molécula associada à prevenção de doenças cardiovasculares, neurodegenerativas e endocrinológicas, como o diabetes. A resveratrol, informa a companhia, tem efeito antioxidante, que retarda a deterioração do organismo.

A molécula está presente no vinho e no suco de uva.

A expectativa da Eurofarma é iniciar a comercialização de um produto a partir desta nova tecnologia em 2013. Até lá, a empresa Profarma fará análises mais completas sobre as propriedades, possíveis efeitos colaterais e restrições do medicamento por faixa etária. O licenciamento das patentes é fruto de uma parceria da Eurofarma com a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.