Falta cartão da nova Zona Azul em São Paulo

No primeiro dia de funcionamento, comprar um cartão de recarga da nova Zona Azul eletrônica em uma banca de jornal nos Jardins, região sul de São Paulo, pode levar mais tempo do que o período de permanência na região. A reportagem esteve ontem no bairro e, em sete bancas, apenas uma vendia o cartão.

Agência Estado |

Além desse sistema, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) começou a testar ontem outra tecnologia na Cidade Jardim.

Os testes têm seis meses de duração e a companhia prevê adotar as novas tecnologias em toda a cidade até o fim de 2009. Mas, ontem, não foi fácil usar o sistema. Após percorrer seis bancas em dez ruas dos Jardins, a reportagem comprou o cartão de recarga, no valor de R$ 18, numa banca na Augusta com a Oscar Freire. Segundo a CET, 40 pontos da região vendem os cartões. As informações são do Jornal da Tarde .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG