Ex-vereador da Máfia dos Fiscais pede habeas ao STF

O ex-vereador paulista José Izar e seu irmão Willians José Izar, condenados a oito anos de prisão por envolvimento na Máfia dos Fiscais, entraram com pedido de habeas-corpus ao Supremo Tribunal Federal (STF), para apelar em liberdade da sentença da 4ª Vara Criminal de São Paulo. Os irmãos foram acusados de extorquir vendedores ambulantes da região da Lapa, zona oeste da capital paulista.

Agência Estado |

O esquema da Máfia dos Fiscais ocorreu na gestão de Celso Pitta na Prefeitura da São Paulo, de 1996 a 2000.

Segundo a defesa, a ordem de prisão mesmo com a sentença condenatória antecipa o cumprimento da pena e afeta o princípio da presunção de inocência, pois ainda cabe recurso. Os advogados alegam ainda que os réus responderam a todo o processo em liberdade e que já foram "rigorosamente penalizados com a demora na instrução processual" - cerca de oito anos desde o recebimento da denúncia - e pedem que o STF suspenda as ordens de prisão em desfavor dos réus. O relator habeas-corpus é o ministro Marco Aurélio.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG