Extraditado chileno condenado no Brasil por pedofilia

O Ministério da Justiça extraditou hoje Rafael Humberto Maureira Trujillo para o Chile, onde ele foi condenado a 20 de prisão por estuprar uma garota de 12 anos e liderar uma rede de pornografia infantil. O Supremo Tribunal Federal aceitou, no dia 11 do mês passado, o pedido de extradição feito pelo governo chileno.

Agência Estado |

Preso em junho do ano passado em Santa Catarina, Sakarach, como era conhecido o acusado, estava detido na Penitenciária Federal em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Segundo o ministério, ele partiu do Brasil, pela manhã, escoltado por policiais em um avião da Força Aérea do Chile.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG