Ex-senador Calixto Filho é preso em aeroporto de São Paulo

Parlamentar é acusado de integrar grupo que falsificava documentos relacionados à importação irregular de bens de luxo

Agência Estado |

selo

O ex-senador por Rondônia Mário Calixto Filho foi preso na manhã de hoje no Aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, ao tentar embarcar em um voo para Brasília. O empresário era procurado pela Justiça desde 2008.

Foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva contra Mário Calixto Filho, que é empresário do ramo de comunicações e dono do jornal O Estadão do Norte. O primeiro mandado é derivado da Operação Titanic, deflagrada nos Estados de Rondônia, Espírito Santo e São Paulo em 2008. Ele é acusado de integrar um grupo criminoso que falsificava documentos relacionados à importação irregular de bens de luxo.

O outro mandado de prisão é resultado da Força Tarefa CC5 (Operação Beacon Hill), que detectou a participação de Mário Calixto Filho na remessa ilegal de divisas ao exterior entre os anos de 1996 e 2002, com movimentações de aproximadamente US$ 900 mil. O empresário foi senador por Rondônia na condição de 1º suplente na vaga deixada por Amir Lando (PMDB-RO), que assumiu o Ministério da Previdência Social em 2007.

    Leia tudo sobre: ex-senadorcalixtoprisão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG