Ex-procurador do Rio pede habeas-corpus ao STF

A defesa do ex-procurador-geral de Campos, no Rio, Alex Pereira Campos, preso preventivamente há 10 meses, recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) com pedido de habeas-corpus para sua libertação. O ex-procurador é acusado de ligação com organização criminosa que desviava verbas da prefeitura.

Agência Estado |

Ele foi denunciado pelos crimes de formação de quadrilha, falsidade ideológica, corrupção passiva, prevaricação, condescendência criminosa, advocacia administrativa, fraude em licitação e lavagem de dinheiro. Os advogados do ex-procurador alegam que não há ato concreto que configure necessidade da prisão. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG