Um ex-presidiário teve a casa invadida por desconhecidos e foi morto a tiros, por volta das 23h de ontem, em Guarulhos, na Grande São Paulo.

Após sair do Centro de Detenção Provisória de Andradina, a 640 quilômetros da capital paulista, no último dia 3, Paulo Humberto Valenzi Jr. , que completaria 22 anos na próxima quinta-feira, passou a morar no Jardim São Paulo, em Guarulhos.

Testemunhas disseram ter visto 3 ou 4 homens entrando na casa e retirando a vítima à força no final da noite de ontem, segundo a Polícia Militar. Vários disparos foram feitos contra Paulo Humberto, que morreu quando era atendido no Hospital Municipal de Urgência (HMU).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.