Explosão em usina deixa 8 trabalhadores feridos em Alagoas

Um dos feridos teve 100% do corpo queimado após cair em uma caldeira

AE |

selo

A explosão de uma caldeira na Usina Sinimbú, que fica na zona rural do município de Jequiá da Praia, a 58 quilômetros de Maceió, deixou pelo menos dois trabalhadores gravemente feridos no início da tarde de hoje. Outros seis funcionários também foram atingidos e levados para hospitais da região, mas nenhum deles corre risco de morte. 

De acordo com as primeiras informações sobre o acidente, a explosão teria ocorrido quando um funcionário, identificado apenas por Gerson, caiu dentro da caldeira e teve 100% do corpo queimado. A caldeira, então, teria explodido, e outro funcionário, identificado como Luiz Carlos Gomes do Nascimento, de 40 anos, sofreu queimaduras ao tentar ajudar o amigo. 

Segundo moradores da região, o barulho da explosão pode ser ouvido à distância. Trabalhadores da usina contaram que Gerson foi socorrido por uma unidade aérea do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O trabalhador reside em São Miguel dos Campos e foi levado em estado gravíssimo ao Hospital Geral Estado (HGE), em Maceió. 

Durante toda tarde, várias unidades do Samu, ambulâncias e viaturas do Corpo de Bombeiros foram acionadas e estiveram no local do acidente. De acordo com o Corpo de Bombeiros, uma aeronave, duas viaturas de resgate e um caminhão para combater incêndio estiveram na usina para dar apoio às equipes do Samu. 

Segundo a 1ª Companhia de Policiamento de São Miguel dos Campos, até o final da tarde agentes da Polícia Militar (PM) estavam no local colhendo informações sobre o acidente. Eles disseram que os funcionários sofreram queimaduras de primeiro grau foram levados para a Santa Casa de Misericórdia de São Miguel dos Campos. Os feridos mais graves foram levados para Maceió. 

Boletim médico

O Hospital Geral do Estado (HGE) informou, por meio de sua assessoria, que o paciente identificado como Gerson, de aproximadamente 25 anos, deu entrada às 14h39 na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) com 100% do corpo queimado. Até o início da noite, ele se encontrava na área vermelha do hospital, em estado gravíssimo. 

Já o trabalhador Luiz Carlos Gomes do Nascimento deu entrada por volta das 15 horas com queimaduras de segundo e terceiro graus na cabeça, na face e nos membros superiores. Ele se encontra internado em estado grave no Centro de Tratamento de Queimados da unidade.

    Leia tudo sobre: usinaalagoasacidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG