Explosão de fábrica de fogos de artifício fere 4 em PE

Uma explosão em uma fábrica de fogos de artifício no final da noite de ontem feriu quatro pessoas no loteamento Duas Pedras, zona rural de Limoeiro, no agreste pernambucano. De acordo com a delegacia do município, o acidente teria sido provocado por um fósforo riscado no local por um adolescente.

Agência Estado |

A fábrica, que funcionava em um galpão, foi destruída sem atingir casas vizinhas.

Um jovem de 17 anos sofreu queimaduras nas pernas e nos braços e se encontra internado no Hospital da Restauração, no Recife. No mesmo local também está hospitalizado um adolescente de 16 anos que fraturou o fêmur. Já Rafael Henrique da Silva, de 18 anos, sofreu escoriações leves e foi atendido no Hospital Regional de Limoeiro, sendo liberado hoje. Antonio Manoel de Santana, 42 anos, também sofreu ferimentos leves e não precisou de atendimento médico.

O Corpo de Bombeiros não confirmou se a fábrica tinha alvará de funcionamento, mas, de acordo com a Rádio Cultural FM de Limoeiro, o empreendimento era clandestino. A emissora afirmou que o município possui apenas uma fábrica de fogos de artifício autorizada, a Santa Ana, e nos últimos quatro anos esta foi a terceira explosão de fábrica de fogos de artifício clandestina ocorrida na zona rural da cidade.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG