Exército prende companheiro de sargento gay em Brasília

SÃO PAULO - O sargento Fernando de Alcântara de Figueiredo foi preso nesta sexta-feira em Brasília. Em entrevista à revista Época, ele revelou ser gay e ter relacionamento estável com o também sargento Laci Marinho de Araújo, preso no início do mês, acusado de deserção, após participar de um programa de televisão. Figueiredo ficará detido por oito dias no Batalhão da Guarda Presidencial.

Redação com Agência Estado |

Em nota, o Comando do Exército informou que a prisão de Figueiredo foi um procedimento administrativo por falta de disciplina. O ato estaria de acordo com o Regulamento Disciplinar do Exército (RDE) que tem por finalidade, além de especificar as transgressões disciplinares, estabelecer normas relativas a punições disciplinares, comportamento militar das praças, recursos e recompensas.

De acordo com o tenente-coronel Walber Coutinho Pinheiro, chefe de comunicação do Comando do Militar do Planalto, o sargento Figueiredo teria viajado a São Paulo sem autorização de seu comandante imediato, além de aparecer em público mal uniformizado. A prisão do sargento não se trata absolutamente de nenhuma forma de discriminação, ele infringiu regras e por isso foi punido, ressaltou Pinheiro.

Para Francisco Lúcio França, advogado do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe), o fato de o sargento ter sido preso logo após entregar sua defesa mostra que a detenção foi arbitrária. Eles [o Exército] teriam que ouvir o sargento, analisar se a defesa foi condizente e depois tomar uma decisão, afirmou.

Em sua defesa, o sargento afirmou que, por viver em união estável com o companheiro, tinha o direito previsto em lei de protegê-lo. A falta ao trabalho foi, para ele, justificada, pois na ocasião ele acompanhava Laci Marinho de Araújo, que estava que preso em São Paulo.

Segundo Figueiredo, sua permanência no Hospital Geral do Exército na capital paulista tinha sido autorizada, mas pode não ter sido comunicada oficialmente aos militares de Brasília.

    Leia tudo sobre: exercito

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG