Exército ocupa mais 2 comunidades no RJ para eleições

As tropas federais que realizam a Operação Guanabara, de combate a crimes eleitorais, chegaram ao Complexo do Alemão e à Vila Cruzeiro, na Penha, ambos no subúrbio do Rio, na manhã de hoje. De acordo com o coronel André Luiz Novaes, porta-voz do Comando Militar do Leste (CML), cerca de 3.

Agência Estado |

500 militares do Exército ocuparam cinco pontos do Complexo do Alemão. Outros 800 homens da Marinha ocupavam a Vila Cruzeiro. Ainda segundo o coronel, as duas comunidades são as últimas a serem ocupadas pelo Exército na operação. Outras 26 comunidades foram ocupadas, por três dias, desde o dia 11.

No próximo domingo, dia das eleições, as Forças Armadas vão ocupar simultaneamente as 28 comunidades do Rio de Janeiro classificadas pela Justiça Eleitoral como áreas de risco. Além das tropas, a segurança será reforçada pelas polícias Militar e Civil. Os detalhes foram acertados em reuniões na ontem no Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ). Segundo o capitão-de-fragata Paulo Fernando Amorim de Campos, encarregado da Comunicação Social do 1º Distrito Naval, a Marinha vai atuar nas comunidades de Vila Cruzeiro (Penha), Morro do Salgueiro (São Gonçalo), Vila São João e Conjunto Esperança (Complexo da Maré). O Exército vai ocupar as outras áreas selecionadas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG