Executiva do PT expulsa deputado carioca do partido

BRASÍLIA - A Executiva nacional do PT decidiu nesta segunda-feira expulsar do partido o deputado estadual do Rio de Janeiro, Jorge Babu. Ele é suspeito de ter envolvimento com milícias fluminenses. De acordo com o presidente da legenda, deputado Ricardo Berzoini (SP), ainda cabe recurso à decisão.

Severino Motta - Último Segundo/Santafé Idéias |

"A executiva decidiu, por unanimidade, a partir dos dados do diretório Estadual, a favor da expulsão do parlamentar", disse Berzoini.

Desde que as acusações contra Babu surgiram, o PT já havia suspendido o parlamentar do partido. Em entrevistas anteriores, o deputado negou todas as acusações.

Jorge Luiz Hauat, o Jorge Babu, é ex-policial civil e em 2004, quando era vereador, foi preso pela Polícia Federal numa rinha de galo. Ele chegou a ser expulso pela Executiva municipal do PT, mas recorreu à Executiva Estadual, que nada decidiu, o que permitiu que ele concorresse ao cargo de deputado Estadual, tendo sido eleito em 2006.

Leia mais sobre: milícias  - Jorge Babu

    Leia tudo sobre: jorge babu

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG