Ex-alunos da UnB protestam contra atuação de Gilmar Mendes na presidência do Supremo

BRASÍLIA - Dez ex-estudantes da Universidade de Brasília (UnB) protestaram, na tarde desta sexta-feira, em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF), contra a atuação do ministro Gilmar Mendes na presidência da Corte.

Agência Brasil |

Usando chapéus de cangaceiro, os manifestantes estenderam faixas perto da estátua que simboliza a Justiça. Uma delas trazia a inscrição Miss Cangaço. Em outra, os dizeres eram: Gilmar Dantas [em alusão ao banqueiro Daniel Dantas, beneficiado por habeas corpus concedido pelo ministro Gilmar Mendes, quando foi preso pela Operação Satiagraha], as ruas não têm medo de seus capangas.

Eles entregaram à imprensa um panfleto explicando que seu objetivo é exigir que o presidente do Supremo saia às ruas, como sugeriu o ministro Joaquim Barbosa, em discussão com Gilmar Mendes nesta semana, e não volte ao tribunal.

Segundo os manifestantes, trata-se de um protesto contra coronéis e capangas, que são rápidos para libertar ricos e prender ladrões de galinhas.

Eles tentaram ainda colocar um chapéu de cangaceiro na cabeça da estátua da Justiça, mas foram impedidos pelos seguranças do Supremo.

Leia mais sobre: Gilmar Mendes

    Leia tudo sobre: gilmar mendes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG