Ex-aluno da USP condenado por matar colega se suicida

O ex-estudante de Jornalismo na Universidade de São Paulo (USP) Fábio Le Senechal Nanni, condenado a 18 anos de prisão pelo assassinato de seu colega de faculdade Rafael Fortes Alves, se jogou do sexto andar do prédio onde seus pais moram nesta segunda-feira, no Cambuci, no centro de São Paulo. A Polícia Militar foi acionada e, ao chegar no local, encontrou o corpo da vítima caído nos fundos do prédio na parte interna do jardim.

Agência Estado |

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o pai do ex-estudante informou que o filho sofria de Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) e depressão. Segundo ele, Nanni estava com a mãe no apartamento no momento do ocorrido. O caso foi registrado no 6º Distrito Policial, no Cambuci. A polícia pediu perícia para o local onde o corpo foi encontrado e para o apartamento.

Nanni assassinou o colega de faculdade na manhã de 14 de outubro de 2005 dentro da Rádio USP. Nanni foi ao local de trabalho da vítima e o matou com uma facada no peito. Os dois dividiam uma república estudantil e haviam discutido na véspera do crime.

Leia mais sobre assassinato na USP .

    Leia tudo sobre: assassinato

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG