Estudantes protestam no centro do Rio de Janeiro para pedir renúncia de Sarney

RIO DE JANEIRO - Cerca de 100 estudantes se reuniram nesta quinta-feira no centro do Rio de Janeiro para pedir a renúncia do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP).

Redação com Agência EFE |

Os manifestantes, convocados pela Associação Nacional de Estudantes Livres (Anel), usavam narizes de palhaço e seguravam cartazes nos quais exigiam que Sarney entregasse o cargo no Senado. Sarney foi absolvido de 11 acusações contra ele no Conselho de Ética do Senado. 

AE

O ato aconteceu cinco dias depois dos últimos protestos que ocorreram no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Brasília e que também foram protagonizados pelo movimento estudantil.

Os estudantes criticaram a decisão do Senado, que em 19 de agosto decidiu arquivar todas as denúncias contra Sarney, em uma sessão na qual o PT admitiu ter recebido pressões do Governo para apoiar essa decisão.

AE


Foram 9 votos a favor do arquivamento - do PMDB e do PT - e 6 contra, do PSDB e do DEM.

As 11 denúncias contra Sarney tinham sido rejeitadas uma semana antes, mas os partidos de oposição apelaram ao Conselho de Ética do Senado, que finalmente decidiu pelo arquivamento definitivo.

Nesta quinta, sete senadores protocolaram um mandado de segurança no Supremo Tribunal Federal , pedindo, em recurso, que o plenário do Senado possa julgar as acusações contra Sarney.

Leia também:


Leia mais sobre: Crise no Senado

    Leia tudo sobre: crise no senadosarneysenado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG