Estudantes desocupam reitoria da UFMG

BELO HORIZONTE - Os estudantes que ocupavam a reitoria da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) desde segunda-feira, decidiram deixar o prédio nesta quinta-feira. Em assembléia realizada no início desta noite, dos 156 alunos que votaram na reunião, 74 optaram pela desocupação, 64 votaram pela continuidade e 18 se abstiveram.

Redação |

Em entrevista ao site da universidade, a estudante de Letras Glória Trogo, representante do DCE, disse que o movimento foi vitorioso. "Há muito tempo, não tínhamos uma mobilização tão intensa, com assembléias de 500 e 600 estudantes", justificou. Ela admitiu, no entanto, que a ocupação vinha perdendo fôlego. "Continuar agora seria levar essa ocupação a uma derrota", disse.

Os estudantes afirmam que a pauta de reivindicação não foi completamente atendida e por isso a mobilização deve continuar. Uma nova audiência pública com o reitor Ronaldo Pena também está na pauta do grupo.

A ocupação começou na segunda-feira, por volta de 14h, quando um grupo de 300 estudantes decidiu protestar contra a ação da Polícia Militar na quinta-feira, dia 3, durante a tentativa de exibição do documentário sobre a maconha, no Instituto de Geociências (IGC).

Leia mais sobre: ocupação UFMG

    Leia tudo sobre: ufmg

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG