Com o conhecimento adquirido em séries americanas e algumas aulas de tiro, o ator Murilo Benício estreia hoje à noite na pele do tenente Wilson, membro da Polícia Militar carioca que não admite corrupção, em Força-Tarefa . Apesar de Murilo ser quase iniciante em seriados policiais - apenas em 1997 fez uma participação em A Justiceira -, o ator revela que o formato já lhe é familiar.

"Gosto de séries, mas não chego a ser viciado. Evito, por exemplo, as séries de médico porque sou um pouco hipocondríaco. Cada sintoma que o Dr. House fala eu sinto", brinca.

Para viver Wilson, além de engordar quase cinco quilos, o ator teve de abandonar o visual de Dodi, da novela A Favorita . Com o look pronto para viver um personagem sério, o ator passou a frequentar palestras ministradas por policiais do serviço reservado (a polícia que investiga a polícia) para não deslizar na atuação. "Além das palestras, fiz aulas para aprender a usar a arma como policial, pois, dos trabalhos que fiz até agora, este é o primeiro em que não estarei do lado dos bandidos", conta Murilo. "O policial passa por um treinamento e realmente sabe usar uma arma, já o bandido simplesmente pega a arma e dispara."

O primeiro capítulo do seriado se inicia com o desaparecimento de cédulas de dinheiro impróprias para o uso e a suspeita do Capitão Jurandir (Paulo Coronato) ser um dos responsáveis pelo desaparecimento. Com isso, a equipe do Coronel Caetano (Milton Gonçalves) entra em ação. No grupo, estão Wilson, Selma (Hermilda Guedes) e Jorge (Rodrigo Einsfeld). As informações são do Jornal da Tarde.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.