Rede de Mentiras , com Leonardo DiCaprio - Brasil - iG" /

Estréia hoje Rede de Mentiras , com Leonardo DiCaprio

Estréia hoje nos cinemas do todo o País Rede de Mentiras , novo filme do diretor americano Ridley Scott. No filme, Scott volta a trabalhar com seu astro predileto, Russell Crowe, após O Gângster , Um Bom Ano e O Gladiador .

Agência Estado |

Como são amigos, o diretor pediu para o ator deixar a vaidade de lado e engordar 25 quilos para viver Ed Hoffman, chefe de espionagem da CIA que passa metade do filme dando ordens pelo celular ao agente Roger Ferris, interpretado por Leonardo DiCaprio, estrela do filme. Ferris é infiltrado em uma rede de ações terroristas no Oriente Médio com a missão de trabalhar com agentes locais e caçar um líder da Al-Qaeda que planeja atacar os EUA.

“Conversei com vários ex-agentes da CIA no Oriente Médio para chegar o mais perto do que seria trabalhar com eles. E tendo um chefe como Russell (Crowe) não foi nada fácil também”, brinca DiCaprio que voltou a trabalhar com Russell Crowe mais de dez anos depois de Rápida e Mortal (de Sam Raimi). “Foi especial ver como os dois, mesmo anos sem dividir uma cena, têm uma sintonia incrível. Sou privilegiado por contar com eles”, elogiou Scott.

O Marrocos serviu como Oriente Médio para as filmagens de Rede de Mentiras , no segundo semestre de 2007. Scott não escondia a empolgação ao falar da ‘Hollywood da África’. Foi no país, uma espécie de porta de entrada do mundo islâmico, que o diretor rodou nada menos que Gladiador , Falcão Negro em Perigo , Cruzada , e agora Rede de Mentiras . "É incrível como o Marrocos tem infra-estrutura, paisagens magníficas e visão de mercado. Quase todos os filmes que se passam no Oriente Médio são rodados no país", comentava ele.

"O Marrocos é notável. Além dos estúdios, o príncipe Moulay Rachid é cinéfilo dos bons. Ele e o rei Mohammed VI entenderam que cinema é também um grande negócio", afirmou o cineasta. Moulay Rachid, filho do rei Hassan II, que governou o país até 1999 quando morreu, e irmão do rei Mohammed VI, que assumiu, então, o trono, é também presidente da Fundação do Festival de Marrakesh. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Rede de Mentiras (Body of Lies, Estados Unidos/2008, 128 minutos) - Drama. Direção Ridley Scott. 16 anos. Cotação: Bom.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG