Estado do Rio de Janeiro contabiliza seis mortes por dengue em 2009

RIO DE JANEIRO ¿ Seis pessoas já morreram em 2009 no Estado do Rio de Janeiro em decorrência da dengue. O número foi divulgado nesta sexta-feira pela secretaria estadual de Saúde. Segundo o órgão, 567 casos da doença foram notificados até o último dia 4 de fevereiro em todo o Estado.

Redação |


De acordo com a secretaria, os seis óbitos ainda estão sob investigação. O órgão informa que três mortes aconteceram na cidade do Rio de Janeiro, um em Duque de Caxias, um em Queimados e um em São João de Meriti, municípios da Baixada Fluminense.

Até o momento, a capital fluminense é o local com o maior número de casos da dengue, com 239. Em seguida vêm os municípios de Itaboraí, na Baixada Fluminense, com 62 casos, Angra dos Reis, no sul do Estado, com 46, Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, com 43, e Araruama, na Região dos Lagos, com 27.

A faixa etária com cerca de 71% das notificações é a de 15 a 49 anos.

Dengue em 2008

Nesta mesma época do ano passado, a Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro havia registrado 3.376 casos de dengue no Estado, dos quais 42 eram de dengue hemorrágica. Houve dois óbitos confirmados na época e 12 estavam sendo investigados, de acordo com o boletim do dia 7 de fevereiro de 2008.

Entretanto, no final do ano os números estavam mais consolidados e a secretaria registrou, no dia 1 de dezembro de 2008, 18.232 casos de dengue no mês de janeiro, destes, 268 na forma hemorrágica da doença. Dezenove óbitos haviam sido confirmados e seis ainda estavam sob investigação, neste mesmo mês.

Leia mais sobre: dengue

    Leia tudo sobre: dengue

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG