Estado de São Paulo prorroga campanha de vacinação contra poliomielite até sexta-feira

SÃO PAULO - A Secretaria de Estado da Saúde decidiu prorrogar a campanha de vacinação contra poliomielite até a próxima sexta-feira (25/09). Desde a manhã desta segunda-feira, os postos de saúde já estão atendendo, das 8h às 17h.

Redação |

De acordo com a secretaria, foram vacinadas 2,5 milhões de crianças menores de cinco anos no último sábado (19/09). O Governo do Estado informa que todas as regiões do Estado ficaram com cobertura acima de 80%, mas que a meta é vacinar 95% das crianças, o que corresponde a 2,9 milhões de crianças.

AE

Meta é vacinar 2,9 milhões de crianças no Estado


É muito importante que todas as crianças menores de cinco anos sejam levadas aos postos de saúde para receber uma dose da vacina Sabin. Apenas essas duas gotinhas garantem proteção contra a poliomielite, afirma o secretário da Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata.

Causada pelo poliovírus selvagem, a poliomielite é caracterizada por febre, mal-estar, cefaléia e pode causar paralisia. A vacina é segura e os efeitos colaterais são extremamente raros. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado, não há casos de poliomelite há 20 anos em São Paulo.

Campanha Nacional

A segunda etapa da Campanha Nacional de vacinação contra a poliomelite vacinou mais de 9,5 milhões de crianças em todo País neste sábado (19/09), segundo balanço preliminar divulgado pelo Ministério da Saúde. Isso representa uma cobertura de 61,5% do total da população dessa faixa etária, informou o comunicado.

De acordo com o Ministério, os dados são referentes ao fechamento das 17h55 deste sábado.

Embora parciais, o Ministério da Saúde avalia que os números indicam o bom desempenho dos estados na vacinação, completou. A meta o Ministério da Saúde era vacinar 14,7 milhões de crianças menores de cinco anos em todo País. 

As regiões Sudeste e Nordeste foram as que apresentaram o maior número de crianças vacinadas, com 3,37 milhões e 3,38 milhões, respectivamente. Os três Estados do Sul do País vacinaram 1,29 milhão de crianças, seguidos pela região Norte, com 848,4 mil vacinados e o Centro-Oeste, com 629,1 mil.

A campanha de vacinação contou com investimentos de R$ 47,6 milhões nas primeira e segunda fases.

A poliomelite foi erradicada do Brasil desde 1989. A imunização é a única forma de prevenir a doença e manter o País livre da circulação do vírus. Por isso, a importância de pais e responsáveis levarem as crianças menores de cinco anos para vacinar, finalizou o Ministério da Saúde.

Leia mais sobre: Campanhas de vacinação  - poliomielite

    Leia tudo sobre: campanhacampanha de vacinaçãosaúdesão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG