Escolas de samba do Grupo Especial iniciam disputa pelo título no RJ

Carlos A. Moreno.

EFE |

Rio de Janeiro, 22 fev (EFE).- Uma reprodução do Moulin Rouge, que incluirá dançarinas originais deste cabaré francês, e seis carros alegóricos levando fontes com diferentes efeitos de água estão entre as atrações mais esperadas para hoje no desfile das escolas de samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro.

Na noite deste domingo, seis escolas se apresentarão no Sambódromo, e outras seis na segunda-feira à noite.

No primeiro dia de desfiles, haverá uma figura ilustre entre os 70 mil espectadores: o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que assistirá à festa na Marquês de Sapucaí pela primeira vez desde que assumiu a Presidência, em 2003.

A apresentação das escolas na avenida é considerada a principal atração do Carnaval do Rio de Janeiro, apesar dos inúmeros blocos que fazem a festa na cidade desde sexta-feira, arrastando milhares de foliões fantasiados pelas ruas.

Cada escola do Grupo Especial pode ter, no máximo, cinco mil componentes, e todas terão entre 65 e 82 minutos para percorrer os 700 metros da Sapucaí.

Através de samba-enredo, fantasias e carros alegóricos, as escolas lutarão pelo título de campeã do Grupo Especial.

Os carros alegóricos são exatamente o quesito que mais expectativas geram este ano.

A Grande Rio é a segunda agremiação a se apresentar na noite deste domingo, e promete um carro no qual exibirá o Moulin Rouge, para o que contará com a ajuda de 50 dançarinas de cancan que faz parte do elenco original do famoso cabaré de Paris.

As dançarinas, em sua maioria européias, chegaram na sexta-feira ao Rio e se tornaram uma nova atração turística, sendo fotografadas nos trajes típicos na Praia de Copacabana e no Cristo Redentor.

A apresentação das bailarinas, financiada em parte por empresas francesas, ajudará a escola a contar, no Sambódromo, uma história sobre a cultura da França: "Voilà, Caxias! para sempre Liberté, egalité, fraternité, Merci beaucoup, Brésil! Não tem de quê!".

Outra escola cuja apresentação gera grande expectativa é a Beija-Flor, com desfile previsto para 1h30 de segunda-feira, já que conquistou o título de campeã em cinco dos últimos seis carnavais (2003, 2004, 2005, 2007 e 2008).

Para este ano, a escola promete surpreender com modernos efeitos de água em plena Sapucaí.

A Beija-Flor já anunciou, por exemplo, que seis dos oito carros alegóricos da escola terão fontes, já testadas, que produzirão efeitos com sete mil litros de água.

Os efeitos ajudarão a Beija-Flor a reforçar o enredo "No Chuveiro da Alegria, quem banha o corpo lava a alma na folia", que conta a história do ato de tomar banho desde o antigo Egito.

Lula já disse que essa é a escola que mais quer assistir. Além disso, o presidente confirmou que será padrinho do casamento do puxador da agremiação, Neguinho da Beija-Flor, cuja cerimônia será realizada em pleno Sambódromo.

As outras escolas a desfilar nessa primeira noite são Império Serrano, com um enredo dedicado às lendas do mar; Vila Isabel, que homenageará o Theatro Municipal; Mocidade Independente, com um destaque às obras dos escritores Machado de Assis e Guimarães Rosa.

Por fim, a Unidos da Tijuca fala do Ano Internacional da Astronomia. EFE cm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG