Equipes já resgataram 17 corpos em busca por AF 447

Por Fernando Exman RECIFE (Reuters) - Passada uma semana do pior desastre aéreo desde 2001, envolvendo um Airbus A330 da Air France que voava do Rio de Janeiro a Paris, as equipes de buscas de Brasil e França recolheram 17 corpos no Oceano Atlântico, 15 deles neste domingo, de acordo com informações dos comandos da Marinha e da Aeronáutica.

Reuters |

O voo AF 447 da companhia aérea francesa levava 228 pessoas a bordo. Investigadores estão considerando a possibilidade de os sensores de velocidade do A330 terem congelado, e a Air France informou no final do sábado que está acelerando a substituição desses componentes em todos os aviões Airbus de sua frota que fazem voos de longa duração.

"A operação durará o tempo que for necessário, para que a gente faça inicialmente o resgate de todos os corpos e posteriormente o resgate do maior número possível de destroços", disse a jornalistas o tenente-coronel Henry Munhoz, da assessoria de imprensa da FAB.

Os trabalhos de resgate envolvem seis navios (cinco brasileiros e uma fragata francesa) e 14 aeronaves (12 da FAB e duas da França). Dezenas de novos componentes estruturais do A330 foram encontrados e recolhidos na tarde deste domingo, segundo Munhoz.

No sábado, as equipes brasileiras resgataram os dois primeiros corpos na área de busca, além de objetos. Neste domingo, dos 15 corpos resgatados, oito deles foram avistados e recolhidos pela fragata francesa Ventose.

A fragata brasileira Constituição está à caminho de Fernando de Noronha trazendo nove dos 17 corpos recolhidos neste final de semana. Quatro deles são do sexo masculino e quatro do sexo feminino, e um dos corpos a identificação do sexo não foi possível. De Noronha os corpos seguirão para Recife, onde será feito o trabalho de identificação.

Munhoz, da FAB, destacou que não há dúvida que os destroços encontrados são do Airbus da Air France. "Não vamos ressaltar neste momento quais são as peças... Mas são peças consideráveis que nos permitem informar que são itens dessa aeronave."

O voo AF 447 tinha 216 passageiros de 32 nacionalidades, incluindo sete crianças e um bebê. Segundo a Air France, 61 eram franceses, 58 brasileiros e 26 alemães. Dos 12 tripulantes, um era brasileiro e os demais franceses.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG