Entenda a filosofia da cabala

Entenda a filosofia da cabala Por Equipe AE São Paulo, 07 (AE) - Muitas vezes, quando alguém se sente ameaçado ou passa por qualquer tipo de dificuldade, desde profissional até as temidas ‘dores de cotovelo’, costuma recorrer aos tratamentos alternativos, simpatias, santos e anjos para tentar sanar ou amenizar o problema. A secretária Carla Dias, de 28 anos, é uma delas.

Agência Estado |

"Sempre que me via à frente de um problemão, rezava para o meu anjo da guarda. Hoje aprendi que devo fazer isso sempre, independentemente da situação."

De acordo com a escritora Monica Buonfiglio, a palavra 'anjo' vem do grego angelus e significa mensageiro. Para a cultura hebraica, o termo correto é malakl, cujo significado é similar ao grego. "Os anjos são seres de luz que estão em todas as religiões e que não levam em conta os registros de nossos atos negativos, ou seja, não perdoam, pois não julgam", explica Monica.

Segundo a especialista, todo mundo tem um anjo da guarda e eles nunca nos abandonam, já que não têm a necessidade de se refazer por meio do sono e não sofrem os efeitos do tempo. No entanto, o que muita gente não sabe é que para os estudiosos da cabala - o misticismo judaico - o assunto é mais importante do que se imagina: para eles, os anjos são extensões de Deus, formados por luzes dotadas de inteligência, e que atuam como mensageiros entre o homem e o criador. "A cabala é um modo de vida, uma maneira de ver as coisas. Uma pessoa se torna cabalista trazendo para todos os seus atos do dia a dia um nível de consciência mais amplo para cada palavra que sai de sua boca, para cada pensamento que surge em sua mente. E, por isso, buscam nos seres de luz uma força superior", afirma o rabino David A. Cooper , autor de "A Cabala e a Prática do Misticismo Judaico" (360 páginas, Editora Campus/Elsevier).

"Todos os seres humanos estão em busca da luz. Ricos e pobres, famosos e anônimos, idosos e jovens. Todos buscam a luz que possa alimentar permanentemente o corpo e a alma. E é esse o propósito dos anjos cabalísticos", ensina Ian Mecler, empresário carioca e autor da obra "A Força, O Poder dos Anjos da Cabala" (192 páginas, Editora Record).

Esses anjos formariam, ao todo, um grupo de 72 seres, representados pelos 12 signos do zodíaco (confira na tabela abaixo o significado cabalístico para cada signo). A iniciação nos anjos, segundo Mecler, demanda um estudo sobre a relação entre o mundo aparente e o oculto. "Embora sejamos levados a acreditar que o mundo físico seja tudo o que existe, a cabala explica, de forma clara, o quanto ele é apenas a ponta final de um processo que começa sempre fora dele."

Boxe:
COMO LIDAR COM AS FORÇAS DE LUZ
Segundo o escritor Ian Mecler, muitas são as pessoas que, pela conexão com os anjos, fortaleceram substancialmente uma força de realização em suas vidas. Mas como? "De acordo com as suas necessidades, é possível manter conexão com o anjo mais adequado para injetar luz neste momento da vida." Tudo, claro, com força de vontade. Confira no www.fontedeluz.com qual é o seu anjo específico.

Boxe:
AQUÁRIO
O signo fala da necessidade de definir conceitos que valorizem sua existência.

PEIXES
Tem capacidade de alegrar os outros, mas deve colocar suas metas em prática.

ÁRIES
Associado à impulsividade, costuma ter acentuação de comportamento reativo

TOURO
Segurança e harmonia é o que o taurino busca. Os anjos fortalecem a alma

GÊMEOS
Os anjos favorecem a serenidade e lutam contra as coisas superficiais

CÂNCER
Sensíveis, precisam de ajuda para promover maior equilíbrio emocional

LEÃO
Criativo, quem é regido por esse signo não deve ter medo de assumir tarefas

VIRGEM
Os anjos deste grupo promovem a purificação do corpo, da mente e da alma

LIBRA
O signo, que é associado à virtude, deve ter cuidado e evitar a superficialidade

ESCORPIÃO
Os anjos deste grupo têm a função de eliminar todas as formas de ressentimentos

SAGITÁRIO
Os anjos favorecem o entendimento dos ciclos da vida e cortam a estagnação

CAPRICÓRNIO
Os anjos deste grupo costumam reforçar a capacidade de realização.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG