Encontrado em Aracaju corpo de outro músico da banda After Death

São Paulo, 23 jan (EFE).- O cadáver do baixista Timothy Kennely, integrante da banda britânica de rock After Death, que morreu na quinta-feira afogado em uma praia de Aracaju junto ao colega e guitarrista Leon Villalba, foi resgatado na sexta-feira, informaram hoje fontes oficiais.

EFE |

O corpo de bombeiros de Aracaju indicou que o cadáver do músico, de 18 anos, foi encontrado a oito quilômetros da praia de Atalaia, onde se afogaram os dois britânicos.

Os bombeiros disseram que um dos jovens tinha entrado no mar na praia de Atalaia, quando começou a ter problemas, e o outro foi ajudá-lo, mas os dois acabaram morrendo.

O corpo de Villalba, de 21 anos, foi recuperado pelos salva-vidas com a ajuda de um banhista, enquanto as buscas para resgatar Kennely levaram mais de 24 horas.

Segundo os bombeiros, no momento do incidente, não havia condições adversas que tornassem perigoso o banho de mar, apesar de o lugar não ser recomendado para os banhistas.

A banda tinha 23 shows programados por diversos estados do Brasil, junto ao grupo americano Master, que estavam previstas até 21 de fevereiro. EFE wgm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG