Encerramento das olimpíadas foi campeão de audiência

Encerramento das olimpíadas foi campeão de audiência Por Ricardo Bairos (27.ago) A cerimônia de encerramento das Olimpíadas de Pequim rendeu a maior audiência para a emissora de TV americana NBC desde as Olimpíadas de Montreal, em 1976.

Agência Estado |

Em média, o evento chinês foi assistido por 26,3 milhões de telespectadores, 27% a mais do que em Atenas, em 2004, e 38% a mais do que em Sydney, em 2000. A NBC também tem os direitos de exibição das Olimpíadas de Inverno de Vancouver, no Canadá, em 2010. (Planet Pop)

MICHELLE RODRIGUEZ VAI VOLTAR A ELENCO DE "LOST"
(27.ago) A atriz Michelle Rodriguez vai voltar ao elenco de "Lost". Ela vai refazer o papel da policial Ana-Lucia Cortez em um episódio da próxima temporada do seriado de TV. Ela deve aparecer no flash-back ou alucinação de alguém, já que a personagem foi assassinada a tiros. O mais provável é que ela faça parte da imaginação de Hugo "Hurley" Reyes (Jorge Garcia), que já viu outros personagens mortos (como Charlie Pace, interpretado por Dominic Monaghan) em episódios da última temporada do show. "Lost" volta ao ar para sua quinta temporada na emissora de TV ABC em janeiro. (Planet Pop)

RELIGIOSO CRITICA RICKY MARTIN POR TER FILHOS SOZINHO
(27.ago) Nem todo mundo ficou feliz com o anúncio de que Ricky Martin é pai. Vários membros da Igreja Católica criticaram o cantor por ter tido gêmeos com uma barriga de aluguel. O cardeal de Honduras, Oscar Andres Rodriguez, disse que o cantor foi "contra a dignidade humana". "Você não pode apenas comprar ou alugar vida", disse o religioso em uma visita ao Chile. O apresentador de talk-show mexicano Esteban Arce disse que "não é certo negar uma figura materna para as crianças apenas porque você tem um ego grande". Os rumores, segundo o blog PerezHilton.com, são de que uma das primas do cantor foi a barriga de aluguel dos gêmeos. Os nomes das crianças não foram revelados até agora. (Planet Pop)

DIDDY CORTA VIAGENS DE JATO PARTICULAR
(27.ago) Nem só a classe média e os pobres americanos têm reclamado do aumento do preço da gasolina e de outros derivados do petróleo. Até as celebridades têm sentido no bolso. Diddy, por exemplo, disse que não pode mais voar em seu jato particular. Uma viagem de Los Angeles a Nova York, ida e volta, passou a custar US$ 100 mil em um jato particular. É um absurdo, segundo o rapper, produtor e empresário. Diddy disse que vai voar em aviões de carreira enquanto os preços do petróleo continuarem tão altos. (Planet Pop)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG