Empresário morto a facadas em padaria é enterrado em São Paulo

O empresário Dácio Múcio de Souza Júnior, 29 anos, morto a facadas em frente à padaria Dona Deôla em Higienópolis, bairro nobre e central de São Paulo, foi enterrado nesta segunda-feira. O crime aconteceu na madrugada de domingo após uma discussão com um funcionário do estabelecimento, que esfaqueou o empresário no abdome.

iG São Paulo |

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, testemunhas disseram que o empresário chegou à padaria acompanhado pela irmã, que teria discutido com o funcionário na semana passada. O empresário procurou a gerência da padaria para saber quais providências haviam sido tomadas após o ocorrido e, em seguida, começou a discutir com o funcionário.

AE
Dácio Múcio de Souza, ao lado das filhas Manuela (e) e Nathalia, no enterro do filho

A irmã da vítima, uma estudante de 20 anos, se preparava para ir embora da padaria quando soube, por uma funcionária, que o homem com quem o empresário brigava portava uma faca. Ao perguntar para este homem onde estava seu irmão, ele apontou para o empresário, que estava caído e sangrando. Levado ao Hospital Samaritano, ele não resistiu.

O funcionário fugiu do local. A ocorrência foi registrada no 77º Distrito Policial (Santa Cecília) e o delegado responsável solicitou perícia. O suspeito permanece foragido.

Dácio Múcio de Souza Júnior era filho do empresário Dácio Múcio de Souza, fundador e presidente do grupo Europa, empresa fabricante de purificadores de água.

Veja reportagem em vídeo sobre o caso:

    Leia tudo sobre: mortemorte de jovensviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG