Empresário é condenado a devolver R$ 983 mil à União

O Tribunal de Contas da União (TCU) condenou o empresário Emanoel da Silva Rego Filho e sua produtora, Emannoel da Silva Rêgo Filho - ME (WB Produções), a devolver R$ 983.516,57 por não ter prestado contas de recursos repassados pelo Ministério da Cultura.

Agência Estado |

A verba foi liberada para o projeto "A Música Brasileira e o Cinema Nacional - 100 Anos de Cinema no Brasil".

O valor a ser devolvido já está atualizado. Emanoel Rego Filho tem, agora, 15 dias para comprovar o recolhimento das quantias aos cofres do Fundo Nacional da Cultura e do Tesouro Nacional. O empresário também foi multado em R$ 50 mil. A decisão do TCU, no entanto, ainda cabe recurso.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG