Emílio Ribas abre o sétimo centro de vacinas especiais em São Paulo

O Instituto de Infectologia Emílio Ribas, da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, abriu nesta semana o sétimo Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais (Crie) do Estado. A unidade vai oferecer vacinas modificadas para portadores do vírus HIV, diabéticos e transplantados.

Agência Estado |

Além das vacinas diferentes, como a poliomielite modificada (sem o vírus vivo), o Crie oferece vacinas adicionais contra varicela, hepatite A e pneumococo, entre outras.

Para ser imunizado, o paciente precisa ter indicação médica e passar por uma avaliação dos profissionais dos Cries. Com seis unidades no Estado (duas na capital paulista, Santo André, Botucatu, Campinas e Ribeirão Preto), a Secretaria ofereceu no ano passado cerca de 50 mil doses de vacinas modificadas, todas aplicadas nos Cries. Para cidades que não dispõe de Cries a Secretaria envia doses de vacinas modificadas, por meio de um pedido da prefeitura.

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG