Embarques de carne bovina do Brasil caem 35% em janeiro

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações brasileiras de carne bovina somaram em janeiro 182,9 mil toneladas (equivalente carcaça), uma queda de 35 por cento em relação ao mesmo período do ano passado, quando atingiram 282,49 mil toneladas. Os dados detalhados dos embarques foram divulgados nesta quinta-feira pela Abiec, associação que representa os exportadores.

Reuters |

As exportações em receita caíram mais, 45 por cento comparado a janeiro do ano passado, para 255,6 milhões de dólares.

O setor de carne de bovina tem sofrido com a menor disponibilidade de crédito para o comércio exterior, devido à crise. Exportadores têm encontrado dificuldades para financiar os negócios, assim como os importadores.

Em janeiro, vários países importadores continuaram queimando estoques, reduzindo novas compras.

"Aconteceu uma queima de estoques, por isso caiu a exportação do Brasil", afirmou a jornalistas o diretor-executivo da Abiec, Otávio Cançado.

Como exportadores e importadores tiveram dificuldades para encontrar crédito para suas operações, foram obrigados a reduzir seus estoques.

"A crise no setor é de crédito e não de demanda", acrescentou Cançado, confiante em uma recuperação nos próximos meses.

Em meio a essa crise, no entanto, o preço médio da carne brasileira exportada em janeiro também caiu para 3.125 dólares por tonelada, contra 3.732 dólares no mesmo mês do ano passado.

(Reportagem de Roberto Samora)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG