Acompanhado por multidão, corpo da jovem Eloá é enterrado http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/10/21/sinopse_de_imprensa__eu_perdoo_lindemberg_diz_mae_de_eloa_2057534.htmlEu consigo perdoar Lindemberg, diz mãe de Eloá Ricardo Kotscho: http://colunistas.ig.com.br/ricardokotscho/2008/10/20/apos-a-tragedia-o-exemplo-da-familia-de-eloa/ target=_blankApós tragédia, o exemplo da família de Eloá" / Acompanhado por multidão, corpo da jovem Eloá é enterrado http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/10/21/sinopse_de_imprensa__eu_perdoo_lindemberg_diz_mae_de_eloa_2057534.htmlEu consigo perdoar Lindemberg, diz mãe de Eloá Ricardo Kotscho: http://colunistas.ig.com.br/ricardokotscho/2008/10/20/apos-a-tragedia-o-exemplo-da-familia-de-eloa/ target=_blankApós tragédia, o exemplo da família de Eloá" /

Em vídeo, Lindemberg admite ter atirado em Eloá

O secretário da Administração Penitenciária de São Paulo (SAP), Antônio Ferreira Pinto, afirmou na segunda-feira à noite que vai mandar a corregedoria do órgão abrir uma sindicância interna para investigar como foram feitas as imagens de Lindemberg Alves na prisão, exibidas ontem pelo Jornal da Record . A gravação, segundo a reportagem da emissora, foi feita pouco depois da prisão do rapaz. http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/10/21/acompanhado_por_multidao_corpo_da_jovem_eloa_e_enterrado_em_santo_andre_2057298.html target=_topAcompanhado por multidão, corpo da jovem Eloá é enterrado http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/10/21/sinopse_de_imprensa__eu_perdoo_lindemberg_diz_mae_de_eloa_2057534.htmlEu consigo perdoar Lindemberg, diz mãe de Eloá Ricardo Kotscho: http://colunistas.ig.com.br/ricardokotscho/2008/10/20/apos-a-tragedia-o-exemplo-da-familia-de-eloa/ target=_blankApós tragédia, o exemplo da família de Eloá

Agência Estado |

AE
Lindemberg ao ser preso na última sexta-feira
Lindemberg ao ser preso na última sexta-feira
O preso aparece no vídeo sem camisa, bastante machucado, e com as mãos para trás o tempo inteiro, aparentemente algemado.

Na gravação, Alves alega não se lembrar de como foram os momentos posteriores à invasão pela polícia do apartamento da família de Eloá. Mas admite que atirou na ex-namorada. "Eu atirei no sofá. Eu acho que atirei primeiro na Eloá. Eu nem sabia que tinha atirado na Nayara (...) Um (tiro) foi eu que dei. Eu lembro que eu dei um na Eloá."

As pessoas que tiveram contato com ele foram a advogada Ana Lúcia Assad - proibida de entrar na cela com celular - e os agentes penitenciários. Lindemberg estava recolhido até ontem à tarde no Centro de Detenção Provisória 2 (CDP) de Pinheiros, na zona oeste, e foi transferido para a Penitenciária de Tremembé. Ele chegou a fazer uma declaração oficial, em que diz temer morrer.

Segundo um cunhado de Lindemberg que é mecânico, mas que não quis ser identificado, a advogada que se apresenta como defensora do rapaz não foi contratada pela família. "Não sabemos quem é. Não fomos nós que a chamamos. Ainda estamos procurando alguém para defendê-lo", disse. Assim que for permitido, a família pretende visitar o rapaz na cadeia. "Na primeira oportunidade, vamos ver como ele está", disse o mecânico.

Veja a retrospectiva do caso

Leia também:

  • Nayara teria dito que tiros foram disparados após invasão da polícia
  • Nayara sabe da morte da amiga Eloá e chora
  • Nayara deve ter alta na quarta-feira, diz secretário
  • Caso Eloá: conselho pede inquérito sobre ação da PM
  • Nayara conta detalhes das primeiras horas do sequestro
  • Coração de Eloá é transplantado em mulher de 39 anos
  • Em cirurgia bem-sucedida, jovem recebe pulmão de Eloá
  • Garota de 12 anos receberá o fígado de Eloá
  • Polícia Civil investigará ação do Gate no caso Eloá
  • Morte de Eloá complica ainda mais situação de Lindemberg
  • Ex-secretário de Segurança acusa erros no caso Eloá
    • Leia tudo sobre: sequestro em santo andré

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG