Em um mês, 198 estabelecimentos de SP foram multados por causa de Lei Antifumo

SÃO PAULO ¿ Um mês após a data de vigência da Lei Antifumo no Estado de São Paulo, o total de multas aplicadas pelos fiscais da Vigilância Sanitária e do Procon chegou a 198. De acordo com a secretaria de Estado de Saúde, 37.117 estabelecimentos foram fiscalizados no período entre 7 de agosto e 6 de setembro.

Redação com Agência Brasil |

AFP

Fumo está proibido em qualquer lugar fechado

Segundo a secretaria, entre as multas aplicadas, 87 foram registradas na capital, onde 11.816 locais foram fiscalizados, e 111 no interior, onde a fiscalização visitou 25.301 estabelecimentos.

A secretaria informou ainda que os estabelecimentos que proibiram totalmente o tabaco em locais fechados de ambiente coletivo representam 99,5% do total.

É preciso ficar claro que a mobilização não se restringiu ao primeiro mês. Continuaremos diariamente nas ruas, para garantir o cumprimento da lei, afirmou Cristina Megid, diretora da Vigilância Sanitária do Estado.

A Lei Antifumo está em vigor desde o último dia 7 de agosto. Cerca de 500 fiscais da Vigilância Sanitária e do Procon realizam blitze diárias, em diferentes horários, incluindo madrugadas. A nova legislação proíbe fumar em ambientes fechados de uso coletivo, como bares, restaurantes e casas noturnas.

Leia também:

Leia mais sobre: Lei Antifumo

    Leia tudo sobre: cigarrolei antifumo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG