A forte chuva que atingiu São Paulo no fim da tarde de ontem abriu um buraco - formado pela erosão em uma galeria de água - que bloqueia, desde as 17h30 de ontem, as duas faixas de rolamento para veículos de passeio na pista sentido bairro-centro (Santana) da Avenida Nove de Julho, em frente à Parada de Ônibus INSS, entre o Viaduto Martinho Prado e a Ligação Leste-Oeste, na região central de São Paulo. O motorista que trafega pela região, caso queira passar pelo trecho da avenida parcialmente bloqueado, é obrigado a usar a faixa exclusiva para ônibus.

Funcionários da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) orientam os motoristas junto à Praça 14-Bis para distribuir o fluxo de veículos e amenizar os reflexos no trânsito da região.

Um trecho de 15 metros foi bloqueado para que técnicos da Subprefeitura da Sé possam dar início à recuperação da galeria na manhã de hoje. A grelha de ferro existente no local também será trocada. O desvio montado pela CET a partir da Praça 14-Bis é: Rua Manoel Dutra, Rua Major Diogo, Rua Santo Antonio, Praça da Bandeira e, enfim, a pista sentido bairro-centro da Avenida Nove de Julho.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.