Em São Paulo, tarifas do Metrô e da CPTM sobem para R$ 2,65

Filas extensas, espera e falhas no sistema de autoatendimento marcaram o último dia para os usuários dos trens do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) recarregarem os bilhetes antes do aumento de tarifa: a partir desta terça-feira o valor passará de R$ 2,55 para R$ 2,65.

Agência Estado |

AE
Fila para carregar o bilhete único no Terminal Sacomã,nesta segunda-feira

As 40 máquinas de autoatendimento para recarga do bilhete único ficaram sem sistema ontem das 11h30 às 15h30.

No posto de recarga do Terminal Sacomã, na zona sul de São Paulo, os sete equipamentos ficaram fora do ar por um período de 4 horas.

As máquinas de autoatendimento estão espalhadas nos 17 terminais da cidade e, segundo a SPTrans, a situação foi normalizada às 15h30. A Assessoria de Imprensa do Metrô informou que está sendo estudada a possibilidade de implantação de postos de recarga na nova estação.

Veja abaixo os novo valores das tarifas

MODALIDADE TARIFA ATÉ DIA 8 TARIFA APÓS DIA 9
Bilhete unitário R$ 2,55 R$ 2,65
Unitário lilás R$ 2,45 R$ 2,55
Bilhete promocional R$ 1,275 R$ 1,375
Fidelidade - 8 R$ 19,60 R$ 20,32
Fidelidade - 20 R$ 47 R$ 48,70
Fidelidade - 50 R$ 112,50 R$ 116,50
Madrugador R$ 2,35 R$ 2,40
Bilhete Único R$ 4 R$ 4,07

Leia mais sobre: Metrô

    Leia tudo sobre: metrô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG