Em inauguração do PAC, Dilma agradece solidariedade

A ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, fez hoje um emocionado discurso na inauguração de obras do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) na comunidade de Manguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro. A ministra agradeceu ao público que a aplaudiu por diversas vezes, debaixo de chuva.

Agência Estado |

"Gostaria de agradecer a solidariedade e a força que vocês têm me dado, muito obrigado a todos, do fundo do coração", disse. A palavra "coração" foi usada diversas vezes pela ministra.

Ela disse que o Brasil "estava parado" e voltou a crescer com o governo Lula, referindo-se à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), inaugurada hoje em Manguinhos, no âmbito do PAC, como "uma obra fantástica, que mostra a dignidade no tratamento ao povo brasileiro". Segundo ela, "o PAC era isso, resolver onde mais precisava". Dilma disse ainda que "hoje celebramos uma forma de fazer política que tem no coração e humanização da vida das pessoas o seu maior compromisso". Mandou ainda "um abraço, do coração" para o público que aplaudiu e gritou seu nome diversas vezes.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG