Em entrevista ao iG, Aldo critica educação básica de São Paulo

SÃO PAULO - O deputado federal Aldo Rebelo (PC do B), candidato à Prefeitura de São Paulo, ressaltou em entrevista ao Portal iG as suas principais propostas para administrar a capital paulistana. De acordo com Rebelo, os principais problemas da cidade se concentram em torno da educação básica, trânsito, transporte público e moradia.

Redação |

"Conheço quais são os dilemas, os desafios e os problemas da cidade. Acho que tenho o dever de discutir, apresentar minhas idéias e opiniões para trasnformar São Paulo em uma cidade mais humana, harmônica, equilibrada e justa".

Aldo afirmou que existe uma necessidade de se analisar São Paulo no seu conjunto, não esperando nenhuma ação imediata. "A escola pública atual está abaixo da oferecida na década de 60 nas cidades mais pobres do Brasil. A educação precisa de um tratamento".

O deputado afirmou pensar em apliar o horário letivo, aumentando a carga horária nas disciplinas, como por exemplo, Matemática, Português e no ensino de um segundo idioma. "Cogito passar de 5 para 6 dias a semana de aula, incluindo aulas ao sábado. É inconcebíbel que nessa fase da vida uma criana termine a oitava série sem o domínio do seu próprio idioma e de uma segunda língua. A escola não está cumprindo com o seu papel".

"Com essas alterações na educação, poderíamos garantir aos pais uma maior tranquilidade e uma segurança sobre o que o seu filho está aprendendo na escola pública, que hoje ele não tem", conlui.

Assista aos melhores momentos da entrevista:


Leia mais sobre: Aldo Rebelo

    Leia tudo sobre: aldo rebelo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG