Em dia de pressão crescente, Sarney não irá ao Senado

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), não participará da sessão de hoje da Casa. Pouco depois de seu filho, deputado Sarney Filho (PV-MA), ter informado que ele não irá hoje ao Senado, a informação foi confirmada pela assessoria de imprensa de Sarney.

Agência Estado |

O senador Pedro Simon (PMDB-RS) já começou a discursar no plenário. Hoje pela manhã, ele anunciou que iria pedir que Sarney se licencie da presidência do Senado.

O senador gaúcho explicou que tomou a decisão de fazer o pronunciamento depois de ler a reportagem de hoje em que o jornal O Estado de S. Paulo revela que um neto de Sarney, José Adriano Cordeiro Sarney, é um dos operadores do esquema de crédito consignado para funcionários da Casa. A Polícia Federal (PF) investiga suspeitas de corrupção e tráfico de influência envolvendo empréstimos consignados a servidores.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG