Los Angeles (EUA), 25 jun (EFE).- A atriz Elizabeth Taylor, uma das melhores amigas do cantor americano Michael Jackson, declarou-se consternada com a perda do artista, que morreu repentinamente nesta quinta-feira após uma parada cardiorrespiratória.

Taylor, de 77 anos, está abalada demais para comentar a morte do amigo, disse o empresário da atriz, que prometeu novas declarações assim que ela se recuperar do susto.

A atriz manteve-se ao lado do "rei do pop" nos momentos mais difíceis da vida do músico. Até mesmo quando foi acusado de abusar sexualmente de menores Taylor saiu em defesa de Michael.

O lendário cantor morreu aos 50 anos, após ter sido encontrado sem respirar dentro de sua mansão em Bel Air (Los Angeles).

O artista foi levado por paramédicos para o hospital da Universidade da Califórnia, onde foi declarado morto. EFE ca/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.