No Piaui, caseiro engravida menina. Segundo a polícia, mãe não denunciou marido com medo de ele ser preso

O caseiro Raimundo Nonato dos Santos, de 40 anos, foi preso nesta quinta-feira na cidade de Nazária, a 30 quilômetros de Teresina, acusado de abusar sexualmente de sua enteada de 12 anos de idade. A garota estaria grávida de oito meses do próprio padrasto. Raimundo Nonato admitiu o crime à polícia.

Conforme informações da Polícia Civil do Piauí, os abusos começaram há aproximadamente um ano, sempre quando ele chegava alcoolizado em casa. Para a enteada, o caseiro oferecia brinquedos em troca das relações sexuais. A mãe tinha desconfiança de que ocorriam os abusos. Mas ela não denunciou o marido com medo de que o marido fosse preso e ela não tivesse condições de sustentar a família sozinha. Os dois viviam há aproximadamente nove anos juntos.

Raimundo Nonato dos Santos admitiu o crime à polícia e chegou a falar que “a garota não reclamava”, em referência aos abusos. Ele também afirmou que desde os oito anos de idade já fazia carícias na enteada. O caseiro será indiciado por estupro pela Polícia Civil do Piauí. O caso somente chegou ao conhecimento da polícia porque as irmãs de Raimundo Nonato estranharam a gravidez da menina.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.