É grave estado de saúde de Eloá, informa prefeitura

A assessoria de imprensa da prefeitura de Santo André, no ABC paulista, confirmou que é grave o estado de saúde de Eloá, ex-namorada de Lindembergue Alves, que ficou refém durante quatro dias. A informação também foi dada pela diretora do Centro Hospitalar, Rosa Maria, em entrevista à Rede Record.

Agência Estado |

"Ela está gravemente ferida, porém está viva", afirmou. A vítima, de 15 anos, recebeu dois tiros, um na cabeça e um na virilha esquerda, e respira com a ajuda de aparelhos. Segundo Rosa, a amiga de Eloá, Nayara, está consciente e, a princípio, foi baleada no rosto.

Mais cedo, o comandante do Batalhão de Choque da Polícia Militar (PM), coronel Eduardo José Félix, contou que Nayara teria sido atingida na boca por estilhaços da bomba utilizada para abrir a porta do apartamento do Conjunto Habitacional de Santo André, no ABC paulista. Os policiais invadiram o imóvel no início da noite de hoje, após ouvirem um disparo. Lindembergue Alves, de 22 anos, saiu ileso e foi preso.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG