Dramaturgo Mário Bortolotto recebe alta de hospital em São Paulo

SÃO PAULO ¿ O dramaturgo Mário Bortolotto, de 47 anos, baleado em uma tentativa de assalto no início do mês no bar do Espaço Parlapatões, recebeu alta na manhã desta segunda-feira (28) da Santa Casa de Misericórdia, em São Paulo.

iG São Paulo |

AE

Mário Bortolotto, em foto de divulgação

Natural de Londrina (PR), Bortolotto foi ferido com três tiros na Praça Roosevelt, centro da capital paulista, ao reagir a um assalto no dia 05 de dezembro. O músico e desenhista Henrique Figueroa também foi atingido, mas recebeu atendimento médico e foi liberado logo depois. O retrato falado dos quatro assaltantes já foi divulgado pela polícia, mas até agora ninguém foi preso.

No blog que mantém na internet, chamado "Atire no Dramaturgo", Bortolotto disse que está melhor e lembrou as mensagens de carinho que recebeu enquanto esteve internado. "Queria agradecer a força e as palavras bacanas de incentivo que recebi", afirma o texto postado no final de semana.

Um dos responsáveis pela revitalização da Praça Roosevelt por meio do teatro, junto com os grupos Os Satyros e os Parlapatões, Bortolotto ¿ prestigiado na cena teatral paulistana ¿ assina o texto do espetáculo "A Lua é Minha", que encerrou temporada no Espaço dos Satyros Um. Entre suas peças estão "A Frente Fria que Traz a Chuva", "O Que Restou do Sagrado" e "O Natimorto".

Leia mais sobre: Mario Bortolotto

    Leia tudo sobre: mario bortolotto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG