Dólar comercial abre em baixa de 0,72% a R$ 1,932

O dólar comercial abriu em baixa de 0,72% hoje, negociado a R$ 1,932 no mercado interbancário de câmbio. A moeda norte-americana fechou em forte queda os negócios de ontem, cotada a R$ 1,946, baixa de 1,96%.

Agência Estado |

Na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F), o dólar à vista abriu em queda de 1,05%, a R$ 1,928.

A operação da VisaNet foi concluída ontem e movimentou R$ 8,397 bilhões, tornando-se a maior oferta inicial pública de ações (IPO) da história da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) e a perspectiva é de que de 70% a 80% do capital coletado tenha vindo de investidores estrangeiros. Ainda assim, as atenções maiores do mercado doméstico de câmbio hoje recairão sobre os dados da economia dos Estados Unidos. Saem nos EUA os dados de renda pessoal de maio e gastos com consumo pessoal, além do índice de confiança do consumidor final de junho.

Os especialistas lembram que o comportamento dos consumidores norte-americanos é um componente importante para traçar as estimativas para a retomada econômica dos EUA e demais países. Por isso, a importância dos dados de hoje é maior do que habitualmente, já que a grande meta dos analistas é certificar-se de que o fundo do poço da atual crise foi atingido e, agora, virá a recuperação. Os dados podem ajudar a responder questões sobre o ritmo e a intensidade dessa recuperação.

A operação da VisaNet, embora ainda tenha influência nos negócios com câmbio, ajudando na queda do dólar, não é o centro das atenções hoje porque a percepção dos operadores é de que os dólares direcionados a essa captação já chegaram ao mercado brasileiro. Pelos menos a maioria. Além disso, a avaliação dos investidores é de que o IPO da VisaNet não serve como parâmetro para outras captações esperadas no mercado de ações brasileiro.

A trajetória de queda do dólar está em sintonia com o comportamento internacional da moeda norte-americana. Hoje, o euro valia US$ 1,4098, com alta de 0,40% sobre o fechamento de ontem.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG