Dois estão em estado grave após piso de ginásio cair

Duas pessoas estão internadas em estado grave no Hospital de Pronto-Socorro (HPS) após a queda de parte do piso do salão de bailes do Ginásio de Esportes Protásio Alves, na zona leste de Porto Alegre, onde estava sendo realizada um baile funk. O acidente, ocorrido na madrugada de hoje, deixou pelo menos 97 feridos.

Agência Estado |


As vítimas do acidente caíram para o andar debaixo, dentro de uma agência dos Correios.

O HPS atendeu 74 pessoas com fraturas, hematomas e escoriações. Durante o dia, 56 foram liberadas. Dez ainda estão internadas, entre as quais os dois feridos em estado grave - oito estão em observação. O Hospital Cristo Redentor recebeu 20 pessoas. Seis permanecem internadas e duas em observação, mas nenhuma corre risco de vida. As três pessoas atendidas pelo Hospital São Lucas foram liberadas.

A Secretaria Municipal da Indústria e Comércio (Smic) informou que o edifício não possui alvará para atividades como festas, mas alegou que nunca recebeu queixas formais sobre a promoção de bailes no local. Representando o promotor do baile, Cristiano dos Santos, a advogada Marilene Vencato disse que a documentação está com o contador de seu cliente, em dia ou encaminhada, já que o início das atividades é recente.

A Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) interditou o prédio e notificou o proprietário para que apresente o laudo de estabilidade estrutural com anotação de responsabilidade técnica para saber se o lugar poderia receber um grande número de pessoas. Há contradições quanto ao público que estava participando do baile. A Defesa Civil de Porto Alegre recebeu informações de que havia pelo menos mil pessoas no salão, enquanto os organizadores sustentam que os frequentadores eram cerca de 400.

Leia mais sobre: acidentes

    Leia tudo sobre: baile funkdefesa civilferidoshospitalporto alegre

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG